Pular para o conteúdo principal

Postagens

[Livro] Confissões do Pastor (1997)/ Caio Fábio D'Araújo Filho

Li esse livro quando o autor, o "Olavo de Carvalho" do meio evangélico nacional, estava no seu "auge". Na época da Fábrica da Esperança. Minha mãe gostava muito da maneira que ele pregava e resolvi ler o livro para saciar minha curiosidade.
A trajetória de vida mostrada é bem interessante: de praticante de jiu-jitsu e usuário de drogas a pastor luterano.
Uma pena terem feito tanto caso da situação do divórcio dele. Não concordo com tudo que ele já disse (sim, ele é muito polêmico), mas é inegável que é um dos poucos grandes pastores da atualidade cujo discurso nos faz realmente pensar e questionar ao invés de apenas nos contentarmos com a teologia da prosperidade.
Enfim, não é uma leitura essencial, mas entretém e educa.


Grande abraço!


Nota: na data de criação deste post, o livro podia ser encontrado gratuitamente neste link. A versão impressa tinha fotos no miolo.
Postagens recentes

[Livro] As Catacumbas de Roma - Benjamin Scott

Um ótimo livro e nos mostra como foi difícil seguir o evangelho no começo da história da Igreja (hoje é muito fácil).
Benjamin Scott explica que, para fugir da perseguição do império romano, os cristãos tinham que realizar seus cultos no subterrâneo de Roma. 
Ainda hoje esse lugares existem e seu acesso é restrito, pois são labirintos sem luz natural, sendo bastante apertados em alguns trechos, forçando o eventual visitante a rastejar para poder continuar sua exploração. 
Recomendo a leitura.
Grande abraço!



[Livro] Uma História Politicamente Incorreta da Bíblia (2013)/ Robert J. Hutchinson

Terminei de ler as 215  páginas desse livro, que é muito legal, pois trata de três temas que adoro: história, filosofia e religião.Apesar do título apelativo, dá uma abordagem didática à história bíblica, mesmo não buscando ser totalmente imparcial. Nota 8,0.
Segundo Lycandros em excelente resenha sobre o livro:
Embora breve (que são 256 páginas para abordar tão vasto e polêmico tema?), Hutchinson se vale duma escrita que torna o texto fartamente instrutivo, engatilhando para o leitor sinceramente interessado em ter uma visão equilibrada sobre a autenticidade, o papel e o valor das Escrituras, referências e vínculos que trarão a lume réplicas e contra-argumentos do outro prato muitas vezes silenciado e ridicularizado na balança dos debates.
Atualmente (março/2016) continuo aprendendo sobre teologia por meio de documentários e também lendo livros de comentários bíblicos pelo tablet, pois tais livros são bem carinhos.
Grande abraço!

[DOC] Segredos da Bíblia - Os Rivais de Jesus (NatGeo)

Sou de religião protestante e respeito todos os demais credos. Gosto de documentários como esse porque, além aumentar meu conhecimento bíblico, sempre me ajudam a refletir sobre o contexto histórico e social em que os acontecimentos bíblicos se deram. 

Aprendi/revi tradições/rituais que foram importadas pelo cristianismo de outras religiões ou que foram importadas de outras religiões pelo cristianismo (depende da corrente teológica). 

Além disso, é interessante saber de crenças, hoje extintas, que um dia "concorreram" com o cristianismo no âmbito do império romano para se tornar a fé dominante, como foi o caso do Mitraismo.

Fica a dica!

[Opinião] Os Cristãos Esqueceram Cristo

Em um post recente, questionei o fato de igrejas enriquecerem de forma nunca vista na Bíblia (com exceção talvez do templo de salomão, mas naquela época não havia uma separação formal entre Igreja e Estado então a situação era diferente).
As Igrejas só esqueceram da bíblia porque seus membros também esqueceram. A ideia central do cristianismo é a salvação do indivíduo para um eternidade com Deus no Paraíso. 
Contudo essa ideia não parece ter muita importância hoje em dia, pois as pessoas querem que o paraíso seja aqui na Terra e querem gozar das maravilhas celestiais antes de morrer. 
Penso que tudo isso é falta de fé. Dessa forma as Igrejas se tornaram grandes centros de auto-ajuda com um matiz religioso.
Não discordo que o foco do evangelho é melhorar espiritualmente o indivíduo, mas a ênfase bíblica é na importância da vida após a morte e não na prosperidade material em vida.
O reflexo disso é que igrejas se tornaram parecidas com franquias e possuem uma estrutura hierarquizada como em …

[Livro] Maçonaria do Outro Lado da Luz (1995) William Schnoebelen

Li e esse livro na adolescência, pois tinha muita curiosidade sobre a maçonaria. Segundo o autor, é uma religião que não segue a Bíblia cristã.
Já tive colegas maçons, mas nunca fui convidado à maçonaria. Dessa forma, não possuo experiências pessoais com tal instituição, mas, à luz do que Schnoebelenescreve, um evangélico não pode ser um maçom.
Isso é muito razoável, pois não dá para ser servir a dois senhores, ou seja, seguir duas religiões.
Enfim, o livro é muito legal e recomendo a leitura. 
Grande abraço!

[Opinião] As Igrejas Cristãs Esqueceram da Bíblia

As igrejas cristãs (e seus dirigentes) estão cada vez mais financeiramente ricas e não há paralelo disso na Bíblia. 
Jesus nunca foi um pregador cercado de adereços luxuosos, mas vivia uma vida simples entre seus discípulos.
Não vejo pecado em se ficar rico, mas devemos analisar porque igrejas precisam ser proprietárias de tanta coisa (emissoras de televisão e rádio, editoras, aviões, carros e etc).
Jesus fez uma revolução espiritual na raça humana apenas pregando e curando. Hoje, já não vemos os milagres daquela época, mas apenas símbolos de riquezas nos templos (evangélico e católicos).
É lamentável que o consumismo e a ostentação tenham se tornado mais importante que os valores bíblicos.
Grande abraço!